Visitantes

mod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_counter
mod_vvisit_counterHoje8
mod_vvisit_counterOntem57
mod_vvisit_counterEsta semana172
mod_vvisit_counterEste mês1136
mod_vvisit_counterTodos130321

 

 

 

Este site é melhor
visualizado com

Spreadfirefox Affiliate Button

Download

Cenários PDF Imprimir E-mail

Contexto do território da Baixada – Campos e Lagos Maranhenses

 

No território da Baixada – campos e lagos maranhenses tem sido, desde 2003, articuladas muitas organizações sociais com o objetivo de melhorar a realidade sócio-cultural e político-econômica dos cidadãos que habitam as cidades que o constituem.

 

Abaixo segue uma tabela com dados da população e da área dos municípios. 

 

 

Tabela 1  – População e área

Município

População Total

Área (km²)

Arari

27.753

1.100

Cajari

12.842

544

Matinha

20.422

409

Olinda Nova

12.068

198

Palmeirândia

18.105

526

Penalva

33.473

786

Peri Mirim

12.219

405

São Bento

37.449

459

São João Batista

18.108

691

São Vicente Ferrer

19.466

390

Viana

47.466

1162

Vitória do Mearim

30.935

762

Fonte: IBGE/ Cidades, 2007

 

Apesar do Brasil ser hoje um país com população residindo predominantemente nos centros urbanos, o território da Baixada – campos e lagos maranhense ainda é predominantemente rural, como confirmam os dados abaixo.

 

 

Tabela  2 –Área de Residência da população

Município

Urbana

Rural

Arari

59%

41%

Cajari

28%

72%

Matinha

36%

64%

Olinda Nova

34%

66%

Palmeirândia

19%

81%

Penalva

42%

58%

São Bento

53%

47%

São João Batista

19%

81%

São Vicente Ferrer

22%

78%

Viana

52,04%

47,06%

Vitória do Mearim

45,04%

54,96%

Fonte: IBGE/Cidades, 2005

 

Viana é o Município com características de pólo microrregional que, juntamente com São Bento e Arari, têm a população residente na sede do município superior à da área rural, apresentando uma razoável infra-estrutura e serviços básicos.

 

Como corredor de trânsito e fluxo de tráfego urbano/rural, esse território maranhense tem uma característica especial de entrada e saída, pelo continente e litoral. 

 

No território estão concentrados índices elevados de precariedade, com baixo IDH. Acredita-se que possa ter havido alteração desses índices nos últimos anos, mas ainda não dispomos dos dados mais recentes para comparação.

 

 

Tabela  3  – Indicadores sociais do território

Município

Nível de Pobreza

Taxa de mortalidade infantil

Taxa de analfabetismo com + 15 anos

IDH

Arari

65,7

60,4

29,47

0,617

Cajari

85,9

67,4

19,43

0,589

Matinha

77,6

40

24,21

0,640

Olinda Nova

77,7

56,6

29,07

0,596

Palmeirândia

84

67,4

32,48

0,569

Penalva

81,1

56,6

28,86

0,584

Peri Mirim

81,6

56,6

37,0

O,593

São Bento

76,2

67,4

27,56

0,592

São João Batista

86,5

67,4

30,39

0,592

São Vicente Ferrer

81,4

66,4

35,16

0,571

Viana

75,0

60,3

31,1

0,619

Vitória do Mearim

69,5

50,9

40,6

0,615

Fonte: Atlas do Desenvolvimento Humano, 2000/ IBGE, 2002

 

No contexto da Baixada,  há predomínio de população afro-descendente e mestiça, muitas áreas quilombolas e os indicadores sociais confirmam a insuficiência de políticas públicas, agudizando-se a precária condição de vida na região, como resultante da alta concentração de terra e de renda.

 

Atualmente, as atividades econômicas predominantemente desenvolvidas na região da baixada-campos e lagos maranhenses são concentradas no setor agrícola, de baixo impacto para o desenvolvimento econômico. Predomina a atividade de subsistência e as dificuldades de manutenção das populações na área rural, por falta da titularidade da terra (dada à elevada concentração fundiária), que tem motivado os processos continuados de deslocamento do campo para a sede dos municípios e para a periferia da capital do estado do Maranhão.

 

São os recursos públicos que mantém a economia desses municípios em movimento. 2/3 da população desse território tem como  fonte de renda as aposentadorias, pensões e programas oficiais do governo federal, de auxílio às populações de baixa renda e  salários de servidores públicos pagos com recursos de transferências constitucionais da União.

 
Copyright © 2014 institutobaixada.org. Todos os direitos reservados.
Joomla! é um Software Livre com licença GNU/GPL v2.0.